luto 2

Urgente: atual prefeito e candidato a reeleição morre apos infarto

Anúncio

O presente prefeito e concorrente à reeleição de Passa Quatro, no Sul de Minas, morreu na noite desse sábado (14). Antônio Claret Mota Esteves (PV), de 62 anos, estava internado no Hospital Regional, em Varginha, em seguida sofrer um infarto. Ele já foi trocado por Henrique Nogueira Gonçalves, que era o efetivo vice-prefeito.

De conformidade com familiares e amigos, Claret passou mal no início da campanha política. “Ele tinha uma questão no coração e acredito, que ele jamais sabia. Claret chegou a permanecer internado e teve alta. Mas sofreu um infarto e estava internado no Hospital Regional há duas semanas”, lamenta Flávia Pessoa, amiga do político.

MELHOR APP!! CANAIS DE TV GRÁTIS PARA ANDROID E TV BOX

Claret não era unido e não tinha filhos. Em 1986, ele chegou a subsistir o prefeito designado mais novo da história de Passa Quatro, aos 28 anos. O político igualmente foi vereador, presidente da Câmara, vice-prefeito e prefeito em duas ocasiões. “Ele viveu para o emprego público. Acompanhei o trajeto dele no hospital. Ele lutou até o fim. O tempo todo foi positivo, dizendo que ia sair dessa”, ressalta.

O velório aconteceu na quadra poliesportiva do município. Um cortejo acontece na Câmara Municipal e, em seguida, o corpo deve ser enterrado no Cemitério Municipal.

Anúncio

Como ver quem deixou de seguir você no Instagram

Vice assume o função

O pedido de substituição foi concluído exatamente na noite de sábado (14) através Partido Verde. O efetivo vice-prefeito do município, Henrique Nogueira Gonçalves assumiu o lugar de Claret. “A mudança já foi feita, a Justiça Eleitoral só não teve conforme compor essa modificação na urna eletrônica. Mas concorro juntamente o número e foto do Claret”, explica Henrique Nogueira, atual concorrente a prefeito.

Com a morte de Claret, a chapa do Partido Verde segue com Henrique Nogueira Gonçalves conforme candidato a prefeito e Marco Torres como vice. “Sou vice prefeito, mas o Claret é um político insubstituível em nosso município. Tem mais de 35 anos de vida pública. Foi prefeito duas vezes, vice prefeito três mandatos, vereador. Mas a luta continua”, lamenta.

Fonte: Estado de minas